Dicas para pintar o mar

Ahh muleke! Tem dúvidas de como pintar o mar de forma realista? Esse artigo é feito especialmente para você.
O primeiro passo a ser desenvolvido é a observação. Que tipo de mar você será retratado em sua tela? Calmo, cheio de ondas, com o pôr do sol evidente? Você irá enfatizar a água ou o céu? Tudo isso deve ser colocado em consideração.
Comece a treinar o seu olhar, perceba os reflexos, sombra e a espuma do mar vendo imagens, vídeos ou até mesmo lembrando-se da última viagem à praia.
Faça um leve esboço em sua tela, trace a linha do horizonte onde o mar encontra o céu, sem deixar muito evidente. Evite linhas definidas, dê preferência a traços mais dispersos, principalmente ao retratar a espuma e a quebra das ondas.
curso-de-pintura-em-tela-como-pintar-marinha-professor-costerus
Utilize cores quentes na espuma e quebra de ondas, crie reflexos de luz quente nas zonas de sombra. Na elaboração da pintura evite o uso excessivo da tinta branca, para evitar efeito pesado e confuso no seu quadro.
Os contornos de rochas e pedras devem ser simplificados, sem muito destaque. Traga mais naturalidade em sua pintura aplicando uma parte da onda para cobrir a linha do horizonte.
Não fique travado, com medo de aprender técnicas novas. A melhor forma de evoluir na arte de pintura em tela é treinar muito, acompanhar meus vídeos do Youtube no canal “Marco Costerus” e participar das minhas aulas online, nas quais acompanho sua evolução e dou dicas específicas para o seu modo de pintura clicando aqui.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *