Posts

Usando a tinta guache na pintura em tela

É muito comum que tenhamos o primeiro contato com a tinta guache ainda na escola. As aulas de artes, geralmente, se utilizam da guache para introduzir as crianças ao mundo da pintura e, certamente, elas aprendem e se divertem muito.

 

Mas, e na pintura em tela? É possível pintar um quadro com tinta guache? 

Ah muleek! Essa é a resposta que eu vou te dar agora! Vamos lá!

 

O que é a tinta guache?

Primeiramente, precisamos lembrar que, apesar de ser relacionada à escola e ao primeiro contato com a pintura, a tinta guache não serve apenas para as crianças se divertirem e aprenderem. As versões utilizadas com as crianças são, de fato, mais simples e de menor qualidade, porém existe a tinta guache profissional, que pode ser encontrada em pastilhas ou tubos.

 

A tinta guache é composta por um aglutinante chamado goma arábica, pigmentos e branqueadores. Sua pigmentação é mais forte do que a aquarela, por exemplo e, por causa dos branqueadores, seu acabamento é fosco e opaco.

 

Versatilidade, secagem rápida e baixo custo são as principais vantagens da tinta guache. Porém, seus tons podem mudar levemente após a secagem e a tinta pode rachar se for utilizada em grandes quantidades. 

 

Para evitar problemas, alguns detalhes precisam ser observados na hora de aplicar a tinta guache.

 

Como utilizar a tinta guache?

Você pode aplicar a tinta em tela, papel, ou até mesmo madeira. Se decidir usá-la em papel, no entanto, eu recomendo que você escolha papéis mais grossos, como o papel para aquarela, por exemplo. Se escolher usar a tinta mais diluída em água, utilize papéis acima de 240gr, pois estes papéis suportam melhor a umidade, tendo menor chance de envergar ou até mesmo rasgar durante a pintura. 

 

Lembre-se que quanto mais água, mais fina e clara fica a tinta, portanto, utilize menos água para fazer tons mais escuros e opacos. A tinta guache tem uma excelente capacidade de cobertura, por isso pode ser utilizada até mesmo sobre superfícies coloridas. 

 

Em relação aos pincéis, recomendo que você separe os de cerdas mais macias para a tinta diluída em água, deixando aqueles de cerdas mais firmes para a tinta pura, já que ela é mais grossa. Comece com um pincel chato e separe um redondo e fino para pintar os detalhes.

 

tinta-guache-costerus-pintura

Dicas para pintar com tinta guache

Para um melhor resultado na sua pintura:

 

  • Teste a tinta em um papel antes de aplicar na tela, assim você poderá observar melhor os efeitos obtidos;
  • Tente pintar o fundo com a tinta mais diluída em água, deixando a tinta mais pura para os detalhes, assim você evita rachaduras
  • Misture os cores até obter o tom que você deseja;
  • Retire bem a água dos pincéis antes de aplicar a tinta;
  • Não esqueça de chamar as crianças para uma sessão de pintura a dedo. Elas conhecem a tinta guache como ninguém, e a diversão é garantida.

 

Quer aprender a pintar lindos quadros aí da sua casa? Acesse o meu curso Iniciando como Artista e aprenda as técnicas necessárias para iniciar no mundo da pintura!  

 

Já conhece o meu trabalho? Confira a minha Galeria Online e encontre a arte perfeita para decorar sua casa, ou presentear alguém que ama!

Aprender a pintar só é impossível se você não tentar

Na nossa imaginação as coisas parecem ser mais difíceis do que realmente são. Talvez isso seja um mecanismo de defesa, que garante que nós não nos decepcionaremos se por acaso o resultado final não for exatamente o que nós esperávamos. Mas o que adianta permanecer no mesmo lugar, sem realizar um sonho, sem dar o primeiro passo e viver para sempre se questionando “e se?”?

E se você tivesse começado a aprender a pintar mais cedo? E se você tivesse realizado o seu sonho antes? Enfim… são pensamentos que assombram, mas não há como mudar o passado. No entanto, você pode se movimentar agora, para que no futuro você se sinta confortável com as suas escolhas e tenha orgulho do que fez.

Aprender a pintar não é impossível, todo mundo começa do zero. Um grande artista não nasce pronto e é preciso dedicação, esforço e estudo para se tornar um. Um ser humano não nasce aprendendo a andar, não é? Antes de levantar e sair caminhando por aí, é por passo a passo que aprendemos a andar. Algumas vezes caímos, mas nos levantamos e continuamos tentando, até que nos sentimos firmes para andar e correr. E em qualquer atividade a dinâmica é a mesma. Você aprende os princípios básicos, as estratégias iniciais para depois se tornar um expert no assunto.

Além disso, para aprender a pintar não é necessário ter dom. Eu já falei isso muitas vezes, mas sempre gosto de repetir, você será bom naquilo que você treinar, praticar e se dedicar. Por isso, é importante que você tenha ajuda de um profissional que te ensine as técnicas certas, com fácil compreensão, de forma prática e simples

Muitas pessoas querem aprender a pintar para se tornar profissionais e vender suas obras, outras apenas querem exercitar uma paixão e praticar um hobby, todas as possibilidades são ótimas e proporcionam momentos de felicidade e orgulho em nós mesmos!

A arte da pintura em tela além de equilibrar as emoções, estimular a memória, relaxar, esquecer os seus problemas e estimular a sua criatividade, pode fazer você se abrir para um mundo novo, se tornar uma renda extra ou até o principal meio de você ganhar a vida. São muitas oportunidades que essa linda e apaixonante arte pode trazer para você!

E dependendo da sua força de vontade e dedicação, aprender pode não demorar muito. Se você dedicar algumas horas por semana para exercitar e aplicar o método assertivo, você aprenderá muito rápido, eu posso garantir isso, pois sou professor há muitos anos e já ajudei diversas pessoas a alcançarem seus objetivos.

 

pintura-em-tela-costerus-blog-prof-costerus-aprender-é-fácil

 

Uma coisa eu tenho certeza: depois de fazer o curso Iniciando como Artista você terá perdido o medo e vai começar a pintar as suas telas com muita segurança, pois você vai ter aprendido, desenvolvido a sua criatividade e treinado bastante. Não precisará mais ficar imitando outros artistas e outras obras, fará você mesmo as suas próprias pinturas em tela! Top, né?

Aprender a pintar só é impossível se você não tentar! Se a sua vontade é se tornar um artista de verdade, pintar lindas telas, ter orgulho de mostrar suas obras para amigos, familiares ou até expor, é necessário você dar o primeiro passo e treinar antes. Por isso eu te convido para conhecer o curso Iniciando como Artista! Clique aqui para aprender a pintar lindas telas, direto da sua casa, com todo meu apoio para você virar um grande artista!

Você sabe limpar seus pincéis corretamente?

Cuidar dos seus pincéis é fundamental, afinal eles são o meio pelo qual você expressa a sua criatividade em tela, não é? Mas você sabe como fazer a limpeza deles sem estragar as cerdas? Então vem comigo e confira essas dicas que eu vou te passar! 

Aprender a limpar os seus instrumentos de trabalho ajudará não só na organização, mas também na economia de materiais. Isso porque se você souber a forma correta de cuidar dos pincéis, você não precisará ficar comprando novos em pouco tempo.

Quem exerce a atividade com mais frequência e pinta bastante normalmente investe em um material bom, de qualidade e possui mais de um modelo de pincel, por isso é importante manter uma vida útil destes objetos em alta, para não acabar gastando dinheiro desnecessariamente. 

Assim como cada modelo tem suas características e cuidados específicos, a tinta usada também tem influência na forma de limpá-los, fazendo com que a durabilidade seja maior.

 

pintura-em-tela-costerus-blog-lavar-pinceis

 

Se você tiver utilizado a tinta a óleo é necessário limpar com qualquer solvente até retirar toda a tinta. Eu sempre indico utilizar o querosene, que é um pouco mais leve e estraga menos o seu material. Não adianta passar apenas sabão, pois dá uma falsa sensação de limpeza. Após lavar bem no querosene, enxugue bem e com cuidado, aí então você pode passar detergente líquido.

Se a tinta que você tiver usado for à base de água, a melhor forma de lavá-lo é apenas com sabão e água. Neste caso pode ser utilizado o detergente, shampoo ou sabonete líquido

Mergulhe o pincel nos produtos e faça movimentos circulares até a tinta soltar, enquanto a água estiver saindo colorida, continue lavando. Tenha cuidado ao enxaguar e secar e não utilize água quente, pois pode danificar as cerdas. Tire o excesso de água com um pano delicado ou papel toalha e deixe secá-los naturalmente

No meu canal do Youtube eu já fiz alguns vídeos explicando melhor como realizar a limpeza dos seus materiais, clique no link para ver:

Outra dica muito importante: NÃO DEIXE A TINTA SECAR NO PINCEL! Você não deve, de jeito nenhum, esperar o pincel secar para lavar. Inclusive, na tinta acrílica, se isso acontecer, você pode jogá-lo fora

Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Me siga no Instagram e comente lá ou me mande uma mensagem falando qual a sua dúvida ou se as dicas de limpeza deram certo! 

Ah, muleeeke! Mas para limpar o seu pincel, primeiro você precisa sujá-lo, não é mesmo? Então vem pintar junto comigo e aprender as técnicas para se tornar um grande artista. No curso Iniciando como Artista, você vai aprender a pintar lindas telas e terá muito orgulho de mostrar suas obras para todo mundo! Clique aqui e se inscreva no curso, para junto comigo aprender a pintar direto da sua casa!

Confira essas três belíssimas pinturas brasileiras

Que o Brasil é um país incrível, com paisagens exuberantes, multiétnico, formado por muitos povos e culturas diferentes você já sabe, não é?

Mas o que eu queria contar hoje é que toda essa mistura é muito importante em termos artísticos e há muitas ligações entre os cenários do nosso belíssimo país com obras de famosos artistas brasileiros

O Brasil é marcado por artistas brilhantes e quadros que fizeram, e ainda fazem,  sucesso ao redor do mundo. Conheça algumas dessas obras:

  • Tropical, de Anita Malfatti (1917):
    pintura-em-tela-costerus-blog-brasil-arte-moderna-anita-malfatti-tropical
    Anita Malfatti foi uma pintora, desenhista, gravadora, ilustradora e professora ítalo-brasileira. Ela era portadora de deficiência motora e é considerada pioneira da Arte Moderna no Brasil.

    • Carnaval de Subúrbio, de Di Cavalcanti (1962)
      pintura-em-tela-costerus-blog-brasil-arte-moderna-CARNAVAL-de-suburbio-DI-CAVALCANTI
      Di Cavalcanti foi um grande pintor brasileiro, com influência cubista e surrealista, e prezava muito pela representação de temas populares, como o carnaval, o samba, as favelas e a classe operária. 

      O mamoeiro, de Tarsila do Amaral (1925)
      pintura-em-tela-costerus-blog-brasil-arte-mamoeiro-tarsila-amaral (1)

      Tarsila do Amaral é considerada internacionamente como uma das principais artistas modernistas da América Latina, reconhecida como “a pintora brasileira que melhor atingiu as aspirações brasileiras de expressão nacionalista em um estilo moderno”.Tanto Tarsila, quanto Anita Mafaltti fazem parte do denominado Grupo dos Cinco, que são os artistas brasileiros com maior influência no movimento de arte moderna no Brasil. Os outros três são: Menotti del Picchia, Mário de Andrade e Oswald de Andrade.

      É essa mistura que reforça a singularidade de muitos brasis dentro de um só e faz a nossa cultura ser tão rica em cores e em detalhes.

      Já pensou em se tornar um artista mundialmente famoso? Ahhh, muleke! Isso não é impossível não, sabia? 

      É só você se dedicar e investir seu tempo em um curso que vai garantir o seu desenvolvimento artístico e criativo, com um método simples e certeiro, que ensina desde os fundamentos básicos até as técnicas para finalizar seus quadros, sejam eles retratos, paisagens ou pinturas abstratas.

      Você vai dominar a arte de se comunicar de maneira autêntica e emocional!

      Clique aqui e conheça meus cursos online!

      E me siga no instagram para me contar quais outros artistas brasileiros você gosta? Quais obras mais chamam sua atenção? Eu vou adorar saber!

     

 

Como remover a tinta em óleo de superfícies?

Na arte da pintura em tela, temos uma certeza: sujar as mãos com o que mais gostamos de fazer. É natural que a tinta manche nossos dedos e até mesmo o espaço que utilizamos para desenvolver nossos quadros.

Mas Professor Costerus, meus móveis e objetos ficarão manchados? Não se vocês seguirem essas dicas simples que preparei nesse artigo. Afinal, nada melhor do que abusar da criatividade sem se preocupar com deixar manchas permanentes em móveis.

O primeiro passo é arrumar o seu local de trabalho, deixando as tintas e pincéis próximos do cavalete para pintura. Utilize também uma roupa leve, de preferência com um avental para evitar manchas e deixá-lo mais confortável no desenvolvimento de sua atividade.

Como já foi abordado aqui no blog, a tinta em óleo possui uma secagem mais lenta, ideal para que os artistas tenham tempo de realizarem correções em suas obras.

Ao derrubar a tinta num objeto ou móvel plástico, basta ter um pouco de óleo de linhaça. O óleo agirá como solvente e removerá a tinta de superfícies plásticas.

Pegue um pano e o umedeça com o óleo de linhaça, após remover o excesso da tinta com uma espátula, utilize o pano umedecido para retirar a mancha e pronto seus objetos estarão com o mesmo aspecto de antes. Demais né muleque?

Para remover a tinta das mãos, não é necessário gastar dinheiro para comprar um produto específico. Pode ser utilizado produtos que você já tem em casa a base de óleo, como: azeite, óleo de coco ou óleo essencial de limão siciliano.

Esfregue bem as mãos, tendo atenção nas áreas manchadas até que a tinta se dissolva, acrescente mais óleo se necessário. Logo após, lave bem as mãos com água e sabão e repita o processo, caso ainda tenha vestígios de tinta.

Conheça e aprenda mais dicas com o Método Costerus. Se inscreva no meu curso on-line e se aprimore cada dia mais nas artes plásticas clicando aqui.

 

Como posso ingressar nas artes plásticas?

Olá pessoal! A pintura em tela é uma das diversas formas de ingressar no universo das artes plásticas. Não desista de seu sonho e use sua criatividade para criar obras incríveis.
A primeira obra não será a dos seus sonhos e não há problema nenhum nisso. Afinal, a melhor parte é aprender novas técnicas, se aprimorar e evoluir a cada dia mais. Não é mesmo?
Estamos sempre em constante movimento e a arte expressa nossas sensações e sentimentos individuais e coletivos. Por isso é importante estar disposto a dar o primeiro passo para realizar os projetos artísticos que há tanto tempo você tem vontade de por em prática.

Mas Professor Costerus como posso começar? Com os itens básicos para a pintura em tela com tinta a óleo. Sempre indico para os meus alunos iniciantes a começarem pela tinta em óleo, para que coloquem em prática as técnicas de pintura e criem noções das cores que podem ser utilizadas para o resultado desejado.
Separe uma tela em branco pequena (20×30 cm); tintas a óleo básicas nas cores: vermelho, azul,branco e tons pastéis; pinceis de tamanhos diferentes; paleta para as tintas e não se esqueça do solvente e óleo de linhaça para diluir a tinta e fazer com que ela seque mais rápido. Confira a lista completa de materiais baixando meu ebook “Lista de Materiais para Iniciantes na Pintura em Tela”.
Faça um esboço no papel antes de transferi-lo para a tela, aprenda técnicas de pintura e mantenha o local e materiais organizados.

Aprenda técnicas desde o esboço, noções de espaço e perspectiva, mistura das cores e muito mais com meus cursos de pintura em tela clicando aqui.
Limpe seus pincéis após terminar a obra e lembre de tirar o excesso de tinta antes da aplicação na tela para resultado mais suave e natural. Crie, explore e conheça seus traços!

Exposições do Professor Marco Costerus

Oi pessoal! Professor Costerus aqui! No artigo anterior falei das Premiações mais importantes que eu recebi e espero que tenha servido de incentivo e inspiração pra muita gente. Hoje eu vou trazer aqui as exposições em que participei. 

As exposições de arte são muito importantes pra mim, pois foram lugares onde aprendi muitas coisas e coloquei muitas obras minhas para serem vistas pelas pessoas. O momento da exposição é um momento único e ver todo mundo ali admirando e comentando as minhas obras é realmente muito gratificante. 

Já tem anos que eu venho expondo o meu trabalho em galerias de arte e outros lugares, mundo afora. A primeira vez que coloquei obras em uma exposição foi em 1977 na Sty Art Galeria em Brasília mesmo, foi muito emocionante e me deixou mais animado ainda pra pintar mais. De lá pra cá já passei por exposições importantíssimas no memorial JK em 1988, na Câmara dos Deputados em 1989 e também no Senado Federal em 1990 e em 1992. Até hoje eu exponho sempre que tenho oportunidade, por ser uma forma de fazer as pessoas vivenciarem de perto o meu trabalho.

Exponha sempre que possível

Sempre que tiver oportunidade de expor a suas obras, faça isso também. Aproveite qualquer lugar, pode ser uma exposição de rua ou até mesmo uma galeria  pequena, isso vai te ajudar a se sentir motivado a mostrar o seu trabalho, compartilhar experiências e se aprofundar e aperfeiçoar mais ainda a sua pintura. Nas exposições geralmente temos três tipologias expográficas que são a permanente, temporária e itinerante.

Exposições_do_Professor_Marco_Costerus_2

Ao levarmos nossas obras para uma exposição temos de levar em conta algumas coisas, como o tema da exposição e se a sua obra se encaixa no conceito do conjunto que vai estar na mostra. E também outra coisa que nunca devemos esquecer é que exposição não é venda de quadros. Nunca se esqueça disso! Ah muleque! Gostou da minha história com exposições e tem vontade de expor as suas também? 

Conheça os meus cursos de pintura em tela onde eu ensino os primeiros passos para você se tornar um grande artista na pintura em tela, pois vai aprender técnicas valiosas e exclusivas. Clique aqui e saiba mais.

Eu vou deixar aqui também o meu ebook gratuito “Lista de Materiais para Iniciantes na Pintura em Telapra você pegar todos os materiais essenciais antes de começar na pintura em tela!

Exposições_do_Professor_Marco_Costerus_3